Weby shortcut
 Programa Capes e Fulbright

Formação docente e cooperação internacional: assistentes dos EUA no curso de Letras da UFCAT

Por Welliton Alves. Criada em 27/01/20 11:24. Atualizada em 27/01/20 15:03.
Projeto selecionado no Programa CAPES/Fulbright English Teaching Assistant (ETA) tem como foco a melhoria da formação dos professores de inglês no curso de Letras. Saiba mais!

Texto: Viviane Cabral Bengezen

 

A Universidade Federal de Catalão (UFCAT) foi selecionada para o Programa CAPES/Fulbright English Teaching Assistant (ETA), Edital 16/2019. O projeto selecionado, sob a coordenação geral da Profa. Dra. Viviane Bengezen, do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem da Unidade Acadêmica Especial de Letras e Linguística (PPGEL-UAELL) e vice coordenação do Prof. Dr. Bruno Franceschini, também do PPGEL, tem como foco a melhoria da formação dos professores de inglês no curso de Letras da UAELL e contará com o auxílio de assistentes de ensino estadunidenses – os English Teaching Assistants (ETAs).

Com início previsto para março deste ano, o projeto terá três anos de duração, incluindo dois ETAs por ano. Os ETAs são cidadãos dos Estados Unidos, recém-graduados, com experiência em ambiente educacional e em ensino em sala de aula. Os 80 ETAs participantes do programa a cada ano serão selecionados pela Fulbright nos EUA e ficarão no Brasil de março a novembro de 2020, 2021 e 2022.

Este projeto será desenvolvido na UAELL, como uma forma de priorizar a formação dos futuros professores de língua inglesa em parte da região central do Brasil e consolidar a internacionalização na instituição, que está em processo de emancipação da Universidade Federal de Goiás e se tornou a Universidade Federal de Catalão.

Nesse sentido, a proposta busca interlocução não somente com os projetos já existentes na UAELL, como Residência Pedagógica, Projeto Português como Língua de Acolhimento e Inglês para Fins Acadêmicos, O Exercício da Coberta: formação antirracista de professores e reconciliação entre povos indígenas e não indígenas no Brasil e no Canadá e Centro de Línguas (CL), por exemplo, mas também com a comunidade interna da UFCAT (discentes, docentes e técnico-administrativos dos cursos de graduação e pós-graduação) e a comunidade externa (especialmente as escolas e institutos federais de Catalão e região), alinhado ao processo de internacionalização da UFG/UFCAT. Serão oferecidos cursos, palestras e oficinas direcionados à comunidade acadêmica como um todo, principalmente no curso de Letras, para melhoria da proficiência linguística dos discentes - professores de inglês pré-serviço.

A UFCAT está em um momento decisivo de emancipação e se esforçando para se consolidar e crescer no estado de Goiás, voltando seu olhar para a criação de cenários diversificados de aprendizagem, a partir das vivências acadêmicas e culturais das pessoas, com atenção à diversidade linguística e cultural. Em busca de valorizar tanto processos formais quanto informais que contribuam para a aprendizagem de línguas e interações entre diferentes culturas e em direção à internacionalização, o projeto contribui para a criação de políticas linguísticas na instituição.

Dessa forma, em fevereiro 02 (dois) ETAs (Kendall e Austin) vão chegar em Catalão para, junto dos professores coordenadores do projeto, darem início às suas atividades de Assistentes de Ensino de Inglês no curso de Letras da UFCAT.

 

Fonte: UAELL - UFCAT

Categorias: notícias ETAs Letras Capes-Fulbright Ensino de Inglês Ufcat